sexta-feira, 22 de maio de 2009

Só às vezes




Às vezes é esse cansaço e essa agonia de se relacionar, de ver gente... Essa quase obrigação de ser uma garota legal.
Outras vezes, é esse “sem vontade” de realizar coisas que impressionem ou, sejam motivos de orgulho.
Ou essa vontade louca de saber o que vai ser, o que será, o que (ou quem) esperar lá na frente...
Essa ânsia de futuro.
É muito passado para pouco presente.
É muita história para tão poucas páginas... Folhear a vida e ler que na verdade nada mais faz sentido. As coisas mudaram.
Mudei tanto...
Para mim e para o mundo.
A mudança veio enfim...
E me restou sim, algum sorriso nos lábios e um brilho nos olhos. Porque nada se perde totalmente e o que já senti um dia, se eu revirar, se eu remexer, encontro no brechó do meu coração, mesmo que rasgado ou sujo.
De tudo, sempre fica um pouco de nada. Todo branco que dá, escurece com o tempo.
E o tempo não perdoa ninguém. Ele vem e te arrasta.
Sua opção é ir... Não há outra. Não adianta.
Eu fui. Na verdade, estou indo... E vou com os olhos bem abertos e atentos, com o coração desconfiado e com a cabeça fresca para absorver as coisas. Um filtro para processar o que eu encontrar pelo caminho...
Às vezes é essa coisa de ficar pensando demais que me faz achar que estou doente.
Às vezes é essa dúvida que me destaca das pessoas comuns e faz de mim uma “figura”.
Talvez eu seja mesmo essa “figura”.
Às vezes é tudo isso ou nada disso. É tudo junto e destacado por aí. Espalhado...
Fragmentado.
E eu recolho os pedaços, tentando não me repetir.
Às vezes, é isso. É só isso.
Isso tudo.
Só às vezes.
Acho que é.




Milla Borges

----------------------------------------------------------------------------

Sonhadores,

Mais uma vez agradeço o carinho e a atenção de sempre!

Deixo aqui a sugestão de leitura deste blog: http://tiagof7.blogspot.com/

Este blog é do cara mais importante da minha vida e se não fosse por ele, pelo incentivo dele, a Fabricante de sonhos não existiria!

Ti, eu amo você!



52 comentários:

  1. Muito bo, adorei, me identifiquei muito, tenho um texto com esse mesmo contexto (ou quase, rsrs), mas gostei mesmo, volto logo, rsrs.
    Aguardo visitas.
    Fui...

    ResponderExcluir
  2. A vida é assim, formada de dúvidas interminaveis, vamos chegar no nosso último dia de vida, ainda com muitas perguntas sem respostas. O que podemos fazer, e viver, e deixar o tempo nos mostrar as coisas.

    ResponderExcluir
  3. Às vezes a vontade de mudar as regras de ir para a direção contraria, faz com que, achemos a vida um tédio! Nestas horas uma boa opção, é escrever, ouvir uma boa musica, e ficar só, até a vida voltar a pulsar como antes...

    Beijos em seu coração...

    ResponderExcluir
  4. pois é, temos que manter nossa dignidade, em meio a tanta hipocresia

    manter o coração e a mente erguida
    os mesmos prédios que movem a econômia
    tambem escurecem a vida e o caminho das pessoas

    mas precisamos viver
    vemos quase sempre aquelas caras
    pessoas com os compromissos
    horários a cumprir
    o relógio toca incensantemente
    ele que quando cansa, nos vamos e trocamos as pilhas
    e nós que as vezes não temos como nos carregar
    para continuar vivendo ...

    na verdade continuamos vivendo por causa das belezas naturais
    vc sai de casa as vezes seguido do nascer do sol
    ou sai do trabalho ou dos estudos, indo para casa, como o sol vai para o horizonte

    cheio de afazeres em casa, enquanto a chuva bate no telhado e a agua escorre pela janela, transformando a vida em obra de arte


    quem dera ser tão bom quanto essa fabricante

    ^^

    tenha um ótimo fim de semana

    =*
    bjinn

    ResponderExcluir
  5. a maioria das vezes eu comento sem saber se fujo da ideia principal do texto.

    =P

    quando me expresso, acabo soltando o verbo demais

    =x

    ResponderExcluir
  6. A Amizade é...
    O mais nobre dos sentimentos,
    Cresce à sombra do desinteresse,
    Nutre-se brindando-se e floresce
    a cada dia com a compreensão.

    Seu lugar está junto ao amor
    Porque ela é também amor.
    Somente os honestos podem
    ter amigos, porque à amizade,
    o mais leve dos cálculos a fere.

    Como é um bem reservado aos
    eleitos, é o sentimento mais
    incompreendido e o pior interpretado.
    Não admite sombras nem fingimentos,
    rusticidade nem renúncias.

    Exige no entanto sacrifício e coragem,
    compreensão e verdade,
    VERDADE! acima de todas as coisas.

    Com as pequenas coisas
    do dia a dia
    cresce nossa amizade.
    Desejo que sempre seja assim.

    (Desconhecido)


    Te desejo um final de semana com muitos amigos,amor e paz
    Abraços do amigo Eduardo Poisl

    ResponderExcluir
  7. ___________________ querida Milla,

    como te compreendo. tanto.

    :)

    como diria Fernando Pessoa no seu heterónimo Álvaro de Campos:

    "

    O que há em mim é sobretudo cansaço

    O que há em mim é sobretudo cansaço
    Não disto nem daquilo,
    Nem sequer de tudo ou de nada:
    Cansaço assim mesmo, ele mesmo,
    Cansaço.

    A subtileza das sensações inúteis,
    As paixões violentas por coisa nenhuma,
    Os amores intensos por o suposto alguém.
    Essas coisas todas -
    Essas e o que faz falta nelas eternamente -;
    Tudo isso faz um cansaço,
    Este cansaço,
    Cansaço.

    Há sem dúvida quem ame o infinito,
    Há sem dúvida quem deseje o impossível,
    Há sem dúvida quem não queira nada -
    Três tipos de idealistas, e eu nenhum deles:
    Porque eu amo infinitamente o finito,
    Porque eu desejo impossivelmente o possível,
    Porque eu quero tudo, ou um pouco mais, se puder ser,
    Ou até se não puder ser...

    E o resultado?
    Para eles a vida vivida ou sonhada,
    Para eles o sonho sonhado ou vivido,
    Para eles a média entre tudo e nada, isto é, isto...
    Para mim só um grande, um profundo,
    E, ah com que felicidade infecundo, cansaço,
    Um supremíssimo cansaço.
    Íssimo, íssimo. íssimo,
    Cansaço...

    "

    Deixo-TE um beijo imenso de amizade tanta.

    Um bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  8. Ficamos assim, Fabricante, assim como disse Chico Buarque:

    Quando eu morrer
    Cansado de guerra
    Morro de bem
    Com a minha terra:

    Estive por aqui!

    ResponderExcluir
  9. "E eu recolho os pedaços, tentando não me repetir.
    Às vezes, é isso. É só isso."

    recomeçar...


    beijo

    ResponderExcluir
  10. Oie,gostei muito.^^
    Tenha um otimo fim de semana e um otimo começo tbm.

    ResponderExcluir
  11. Tens toda a razão Fabricante de sonhos:)Identifiquei me muito com este texto...
    Beijo de um anjo

    ResponderExcluir
  12. Vc exprimiu aqui sentimentos que levo a muito tempo dentro de mim...sentimentos que as vezes é sufocante querida...que as vezes parece nos querer esmagar com sua força bruta....é assim..a vida nos forçando a todo custo a viver...a jamais deixar nada passar em branco...por que as consequencias são brutas...fortes...parabens amiga...

    Ademerson Novais de Andrade

    ResponderExcluir
  13. Milla,

    Quando acabei de ler seu texto, vi o desabafo que fez sobre o homem que te faz feliz. Levanto a bandeira do amor e de tudo aquilo que vem através dele... lindo!

    Beijo grande, menina linda e apaixonada.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  14. vai saber o q é
    sim nossa opção é como nós iremos
    se com os olhos no futuro
    ou presos ao passado
    e se deicar ir aproveitando cada minuto q se vai
    enfim
    ás vezes é só recolher pedaços
    ás vezes é colar pedaços
    outraz vezes é se quebrar em pedaços
    outras vezes é se multiplicar se transbordar e ser feliz
    a gente tem momento na vida pra tudo
    cabe a nós retirar deles o melhor sempre

    beijos

    ResponderExcluir
  15. Olá Milla, como vai?
    Passando para dar boas vindas... é um prazer te-la em meu blog... que bom que gostou. Também estou seguindo teu blog... a propósito, belo blog! =)

    Beijos

    ResponderExcluir
  16. As vezes tb sou assim Milla!
    Novidade?! Adorei esse texto...rsrsr...Mas é sério, fico sempre encantada ao passar aqui e ler textos tão bem escritos!...Gosto tb pq muitas vezes me identifico com o q leio! =)

    Olha, sobre o meu novo texto, é q minha vida está uma correria danada, mas postarei em breve, antes tenho um selinhos q ganhei q vou postar!=D

    Bjos e obrigada pelas lindas palavras q vc deixa lá nos meus Sonhos Tortos!

    =**

    ResponderExcluir
  17. Como sempre, LINDO O TEXTO!

    A cada dia me orgulho mais de vc.
    Adoro os seus textos e a forma como vc coloca as palavras. Parece que ficam melhores a cada vez q eu releio!

    Continue escrevendo...

    Eu te amo, linda!!

    Beijooooos!

    ResponderExcluir
  18. Chronos anda tentando te devorar tambem é? Tsc, tsc, tsc... liga não boba, dorme que passa. Acontece. Nas melhores famílias, com quase todo mundo.
    Somos verdadeiras metamorfoses. Hoje casulo, amanhã libélula, enfim borboleta. É o bom e velho Tempo que tudo transforma,mas sem devorar, tudo no momento certo, o ciclo se repete infinitamente...
    Tenha calma, muito calma, há um caminho longo a ser percorrido. Enquanto isso continue semeando suas belas palavras.
    Bjins.
    Tia

    ResponderExcluir
  19. Se valer o conselho de alguém que já está na estrada há tempos, apenas Keep Walking ... o resto vem naturalmente, e vem bem ...

    boa semana, menina

    ResponderExcluir
  20. Olá Mila, passando para agrader-te a visita.
    Adorei seu texto. Eu por muitas vezes me sinto e penso assim, as vezes manter-nos inteira é difíl e recolher os pedaços mais ainda.
    Nossas vidas cheias de pontos de interrogações e nem sempre achamos respostas, são muitos pontos...
    E o tempo nem sempre é nosso aliado e não podemos lutar contra ele, então nada nos resta a fazer,á não ser ir com ele...
    Bjsss querida!!!

    ResponderExcluir
  21. A vida tem o tempo necessário que precisamos para sentir dúvidas, todo o resto é para aproveitar as certezas, afinal de contas “A mudança veio enfim... E me restou sim, algum sorriso nos lábios e um brilho nos olhos”. Enquanto este sorriso e este brilho permanecerem todo o resto vale a pena. Grande beijo e apareça.

    ResponderExcluir
  22. "Porque nada se perde totalmente e o que já senti um dia, se eu revirar, se eu remexer, encontro no brechó do meu coração, mesmo que rasgado ou sujo." (Milla Borges)

    Ah, Milla, amei! Mais uma vez! Não teve um poema seu, um texto, que eu não tenha gostado. O que você escreve é tão lindo, eu me identifico tanto, aí não tem como não gostar. Só tenho que agradecer pelo bem que me faz vir aqui e ler essas palavras.

    :**

    ResponderExcluir
  23. Que texto!!! Gostei demais.

    Tudo próprio da idade. E não pense que você é a única a pensar demais, a se questionar, a pensar na vida, no futuro. E se souber aproveitar tudo isso terá uma vida com qualidade.

    O bom de ter o quase o dobro da sua idade é que tudo o que eu planejei eu consegui, e não tenho mais algumas preocupações para ficar pensando. Me vi na sua idade.

    abraços

    ResponderExcluir
  24. Que Deus te ouça Milla. Obrigado pelo comentário lá no meu blog. Amei!
    E claro, comentando teu texto, ainda bem que "Só as vezes" precisamos recolher pedaços!
    Beijos

    ResponderExcluir
  25. Milla,

    Obrigado por visitar o Sofia e pelo comentário tào gentil. Muito obrigado!

    Vim conhecer seu canto e o encanto foi meu. Tb gostei muito do que encontrei por aqui... Parabéns!

    Luz e paz!

    Com carinho,
    Whesley

    ResponderExcluir
  26. Oi, minha Linda !
    saudades daqui também!
    Realmente estive ausente...viajando muito!

    Essa eloquência de "achar", esssa loucura de querer alcançar nossos pensamentos e desejos...nossas emoções.... acho que precisamos disso para viver. Nos alimenta, nos move!

    beijos

    ResponderExcluir
  27. Obrigada querida pela visita...pelo carinho...Adorei!

    Volte sempre que quiser....será bem vinda sempre!

    Adorei tua página tbm...

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  28. Ei!

    :)

    Continuo por aqui!


    Pedro Antônio

    ResponderExcluir
  29. Nossa, neste texto parecia que vcfalava por mim! ÓTIMO! adorei.
    Parabéns.
    beijão

    ResponderExcluir
  30. Mtoooooooo lindo seu blog!!!
    Esse texto é bem o perfil de mta gente por aí, inclusive o meu!!!
    vou voltar sempre...
    bjos

    ResponderExcluir
  31. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  32. Muito obrigado pela passada lá no meu blog. Fico lisonjeado pelo comentário, e parabéns pelo seu blog também! Beijos, Pedro.

    ResponderExcluir
  33. ...ahhh
    quando estou entediada
    visito blogs.

    bendito tédio que me
    transporta a lugares
    de imensa magia assim
    como aqui, por exemplo.

    adorei...

    fui mas volto.

    se você me deixar entra, é claro.

    rsss

    bjbj

    ResponderExcluir
  34. A vida dá voltas que nem nós conseguimos controlar...
    Somos sempre nós...mas o nosso verdadeiro Eu está escondido, para que não nos possamos magoar...
    Um amigo meu diz que as pessoas não mudam, transformam-se...já reflecti imensas vezes sobre esta frase, na primeira instância não concordei...mas não será verdade??
    Levamos tantas chapadas sem mão, que acabamos por nos refugiar dentro de um mundo só nosso...
    Vida...destino...escolhas...conquistas...derrotas...isso altera muita coisa em nós...

    Gostei de ler as tuas palavras...
    E obrigado pelas tuas queridas palavras que tens deixado no meu blog...

    beijinhos

    angel

    ResponderExcluir
  35. Fechei meu blog apenas para am igos autorizados. Preciso de um e-mail seu para que autortize vc. Te quero por lá! Me escreve...
    beijo grande

    crissvm@hotmail.com

    ResponderExcluir
  36. Vim agradecer sua visita. Amei seu blog.
    Volte sempre. Que sabe vc. será a minha próxima seguidora.
    Bjs.
    Sandra

    ResponderExcluir
  37. Obrigada por ter aceito meu convite, por estar lá comigo.
    Fiquei muito feliz!

    beijo grande

    ResponderExcluir
  38. oi,

    há fases na vida q as dúvidas, as incertezas sempre estão no caminhar...mas logo vc vai se encontrar.

    obrigada pela visitinha...adoro o Thi.

    bjos!

    ResponderExcluir
  39. Fiquei muito feliz com suas palavras e de receber sua nobre visita.
    Pouca coisa tem erguido minha vaidade, engraçado, ontem achei que tudo ali era muito ruim.
    Ai você chegou como um anjo da guarda da poesia e levantou minha auto estima.
    Acho que sou uma "figura" também igual ao descrito no seu último trabalho postado.
    Gostaria muito de receber mais sua visita.
    Volto sempre aqui.
    Vai lá de vez em quando, esse seu texto instalou ainda mais solidão.
    "O muito para alguns é muito pouco,
    Enquanto o nada por vezes é tudo a outros".
    Feliz sou eu de ter encontrado
    rara beleza em versos e atitudes!
    Te retribuo dizendo:
    Gostei muito de tudo que li aqui!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  40. Ótimo, lindo, perfeito! Você é uma figura, como todos os mortais, mas com as suas diferenças, anseios, desejos e um texto formidável. Se destaca, não és simples e é isso que faz a diferença. Admiro! Quero um dia escrever assim! Parabéns!

    ResponderExcluir
  41. Milla, só as vezes, ´a gente quer apenas um ombro amigo para repousar nossa cabecinha cansada...

    Só as vezes...

    Que vc encontre esse ombro...

    Se valer um virtual, o meu stá aqui...


    Beijos e carinhos mil!

    ResponderExcluir
  42. obrigado pelo elogio ao meu blog ^^

    "é muito passado para pouco presente"... relaçao perigosa essa, hein?

    ainda bem q a mudança veio para melhor ^^


    www.thiagogaru.blogspot.com

    ResponderExcluir
  43. Eh Milla, sei o que é isso...
    Tô me sentindo assim tb, quase sempre...

    Bjks.

    ResponderExcluir
  44. sem dúvida seu blog é uma das minhas leituras rápidas preferidas...


    bom final de semana...

    ResponderExcluir
  45. só as vezes podem acontecer várias coisas, mas de uma coisa tenho certeza, naum dá pra passar por aki só as vezes, tem que ser sempre!!!
    adooooooooro demais este blog!

    ResponderExcluir
  46. Oi minha querida!!!

    Adorei o seu post, mais uma vez conseguiste maravilhar-me com as tuas palavras, amei seu testo...

    aproveito pa agradecer a sua visitinha e suas palavras lá no "nosso" cantinho...

    esculpa por andar um pouco afastado mas a falta de tempo é uma desgraça...


    beijos e um optimo fim de semana...

    ResponderExcluir
  47. ' Oi Milla...ain q saudades do seu cantinho...
    Bem, vc sabe q eu amooo seus textos, sempre fico louca pra ler o próximo e esse foi perfeiito, principalmente essa parte aqui...

    ' Às vezes é essa coisa de ficar pensando demais que me faz achar que estou doente.'

    Eu digo por mim, penso demais e as vezes desisto de fazer aquilo desejado... ;(

    Um ótimo final de semana viu^^

    bjoo's no ♥

    Josy*

    ResponderExcluir
  48. venho deixar um beijo e o desejo de um bom Domingo.

    :)

    ResponderExcluir
  49. Linda e subjetiva!!

    Voltei tá... Não aguentei a sua bronca...rs

    Beijocas

    ResponderExcluir
  50. Agradeço a cada um que deixa aqui o seu carinho e dessa forma, alimenta ainda mais meus sonhos...
    Move a nossa fábrica!

    Um doce beijo meu...

    Fabricante...

    ResponderExcluir

Deixe aqui um pedacinho do seu sonho...
Obrigada!