quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Ele & Ela



Ele foi um menininho calmo. Ela, uma garotinha agitada.
Ele foi uma criança doce e obediente. Ela, malcriada e levada.
Ele se tornou um adolescente tranqüilo.
Ela se tornou uma adolescente rebelde.
Mas ambos tinham no peito um coração bom...
Ele estudava e aprontava no colégio, afinal, não era santo.
Ela matava aula, e aprontava fora do colégio, porém, sempre passou direto.
Ele sorria pouco e o fazia sempre de maneira discreta.
Ela transformava tudo em drama e gargalhava muito alto.
Ele, músico. Ela, atriz.
Ele, criado da maneira convencional: Mãe, pai, irmãs, todos debaixo do mesmo teto.
Ela, filha de pais separados, criada por tia e avó, tinha amizade com a mãe e perdeu o pai aos dezoito.
Ele fez durante um tempo faculdade de psicologia. Ela fez análise por alguns anos.
Ele tomava uma cervejinha. Ela se utilizava de artifícios ilícitos para se entorpecer.
Ele ia à missa. Ela, em boates.
Um dia, o destino cruzou seus caminhos e o acaso os uniu...
Por quê? Tão diferentes...

E quem pode com o acaso?

Ambos tinham seus respectivos compromissos, supostos amores...
Mas algo inexplicável os aproximava cada vez mais.
Ele que falava pouco. Ela que falava demais...
Ele que precisava de asas. Ela que precisava de freios.
Ele que queria correr riscos. Ela que queria paz e segurança.
E toda falta de afinidade, virou um grande amor.
De verdade.

E quem pode com o acaso?

Só ele conseguia acalmá-la e só ela preenchia suas pausas.
Um dia, estavam livres um para o outro e não precisavam mais se beijar escondidos.
E o beijo era o encaixe perfeito.
(Ainda é).
E ela foi à missa com ele. Ele na boate com ela.
Ela mudou por ele. Ele mudou por ela.
Quem diria...

E quem pode com o acaso?

Hoje ela é uma pessoa melhor e mais feliz.
E ele também é.
Ele nunca se sentiu tão amado.
E ela também se sente assim.
Acima de tudo, são grandes amigos. Sabem que podem contar um com o outro.
Ele mudou a vida dela. Ela mudou a dele.
Todas as diferenças os fortaleceram.
Eles amadureceram juntos. E continuam amadurecendo...
Eles se completam.
Metades.
E sabe? Vão se casar...

E quem pode com o acaso?

Milla Borges

38 comentários:

  1. uma palavra sobre o que senti

    "inveja"

    realmente quando duas pessoas são bem diferentes, o relacionamento se torna mais afetivo, os assuntos não acabam, a cada nova informação, surgem brigas ou concordancias, afinal, são namorados, e isso é normal.

    Vejo nesse texto uma garota que está feliz com o hoje e que o ontem está escrito nas lembranças que sempre vão lembra-la de que tem um bom namorado.

    Quem me dera ter uma namorada
    a pouco voltei a ativa, arranjei novo emprego
    vida mudando, coisas acontecendo,
    e eu não tenho um objetivo, não tenho uma meta a seguir, as vezes o que eu mais desejo é ter uma garota que quando voltar para casa ela vai sorrir, me abraçar, me beijar e ficar ali junto comigo.

    Mas isso por enquanto é sonho, "por enquanto" é modo de dizer, cada vez perco mais as minhas esperanas, mas talvez um dia o sol nascerá para mim e as coisas mudem

    quem sabe ...
    eu duvido ...

    bjin fabricante, muito bom o texto
    quem sabe um dia eu crie um post dizendo como amar é algo tão bom quanto nascer e descobrir a vida

    até la lamentarei meu azar, que me acompanha desde que descobri que penso, e pensando, logo existo! Existo para nada!

    xD

    tenha um ótimo fim de semana

    ^^

    ResponderExcluir
  2. já havia pensado nisso, sobre relacionamentos onde personalidades se completam...

    a história foi contada maravilhosamente e você soube passar exatamente para o papel o que ocorre...

    conheço, inclusive, um ex-casal que teve seu fim dado através da gigantesca igualdade dos envolvidos. tudo ficou extremamente chato e o fim foi consequencia...

    também não quero dizer que sempre funcionará dessa forma. não existe uma lógica para o amor, da mesma forma que não há para a vida. as coisas ocorrem das mais variadas maneiras. contudo, os fatos acabam evidenciando o que se torna mais frequente e é possível extrair uma linha comum...

    esse último parágrafo foi meio óbvio, mas eu me empolguei...hehehe...

    parabéns mais uma vez pelo blog...bjaum...

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que história linda... Todas hist´orias de amor podiam se assim, sempre!! beijão

    ResponderExcluir
  4. Dizem que os opostos se atraem, mas nesse caso (no nosso caso) não vejo muito assim.
    Eu me apaixonei pela sua beleza, pela sua essência. Não pelo o que você pudesse me oferecer ou qualquer coisa do tipo.
    Nós nos completamos. Mas, principalmente e acima de qualquer coisa, nos amamos muito. E é o amor que faz as diferenças tornarem-se insignificantes. É o amor que move duas almas que foram feitas uma pra outra e as une, mesmo quando os caminhos impensavelmente se cruzariam.

    E é assim que as coisas acontecem. O amor. É ele o culpado de tudo isso. É ele o culpado de sermos tão felizes. É ele que nos juntará pra sempre. É ele que dará a eternidade de cada momento. É ele que fará com que nossos planos virem realidade.

    Eu te amo e te quero pra sempre na minha vida!
    É com vc que quero passar o resto dela.
    É você e só tem que ser com vc.

    Beijoooos! Esse beijo que se encaixa.

    ResponderExcluir
  5. Ainda bem que passei hoje por aqui menina,fiquei tão feliz de ler estas vidas que nem imaginas, precisava disto para acalmar a minha vida louca de à uns tempos para cá!!

    beijinhos e muitas felicidades

    ResponderExcluir
  6. Um é o complemento do outro. Casamneto.... nada mais justo!
    Legal.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Tiago, foi isso que eu coloquei no meu comentário. Não existe uma lógica para o amor. Contudo, existem vários relacionamentos em que pessoas opostas se dão bem. Desta forma, todos comentamos que é algo frequente e discutimos o por quê de dar certo.

    ResponderExcluir
  8. simplismente lindo, adoreitoda a història
    do começo ao fim!

    ResponderExcluir
  9. Ai, que lindooooooo! *-*

    É a sua história, querida?

    Que história linda, tocante, emocionante.
    Amei, arrepiei aqui.

    Felicidades pra você. Mais ainda.
    Beijão, querida.

    ResponderExcluir
  10. A historia de q os opostos se atraem pode nao ser uma verdade absoluta, mas que é algo frequente nao se pode negar.

    E quando se encontram
    E quando o equilibrio se formou
    Tudo ficou melhor.
    =]


    www.euthiagoassis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Milla.. vc é demais!
    Esse texto foi suuupeer fofo, bem-escrito e,sabe, até pode ser real. Eu não conheço nenhum casal assim. Acho maravilhosa a 'arte' de duas pessoas tão diferentes se completarem!
    Me lembrou a música Eduardo e Mônica.
    Como sempre... arrasando!

    ResponderExcluir
  12. Contra o acaso,
    nada
    nem
    ninguém!

    Beijo,
    doce de lira

    ResponderExcluir
  13. NINGUÉM. Ninguém mesmo pode com o acaso.

    "E quem um dia ira dizer que existe razão nas coisas feitas pelo coração? E quem irá dizer? Que NÃO existe razão...."

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. "E a nossa amizade da saudade no verão"

    Bom foi te ler. Deliciosa história!

    ResponderExcluir
  15. Que meigo, muito lindo, desculpe pela demora, mas eu vim... Seu blog cada dia ficando melhor.

    ResponderExcluir
  16. Essas historias são lindas...conheco um casal que começou assim...hoje estão casados há 15 anos...e estão felizes porque ela mudou por ele e ele mudou por ela...:)
    Beijo de um anjo

    ResponderExcluir
  17. Que lindooooo...
    Extremos que se equilibram. Agora são um só!
    Quando há amor e respeito, tudo dá certo.

    Amei o pot.... Belíssimo...
    É quero pra mim: me sentir completa!

    Bjs.

    ResponderExcluir
  18. OI, minha lindaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!
    Saudades de vc também!
    Andei meio longe, meio viajando, meio afastada de blog.....rs
    Voltando aos poucos!

    Texto lindo! Os desencontros que se encontram, pq procuram um no outro aquilo que falta em si mesmo.
    Hoje, no dia de hoje acho que eu não arriscaria tanto....rs
    Talvez, algumas coisas precisam ser iguais, precisam caminhar à busca dos mesmos sonhos. Talvez, se houver uma diferença muito grande naquilo que mantém nosso maior sonho, o acaso não resista. Entretanto, não discordo de vc.....rs. É apena fruto de uma fase que estou passando, onde o diferente matou sonhos; não por ser propriamente diferente, mas por não querer se adaptar e respeitar o que não era igual;
    ow ow....deu pra entender?........rs
    beijo grande

    ResponderExcluir
  19. Mais uma vez um texto brilhante...do incio ao fim amiga....fico sempre feliz com suas palvaras quando passo por aqui...

    parabens...

    Ademerson Novais de Andrade

    ResponderExcluir
  20. Quando uma História (sim com H maiúsculo) de amor passa por Visconde de Mauá, tsc,tsc,tsc, não tem jeito: dá caldo, e que caldo kkkkk... Eu já vi esse filme, ora se vi... Quanto às diferenças, são apenas detalhes, molho mesmo, pro caldo ficar mais saboroso. Adorei a História, conte outras, sei que tem muitas mais guardadas que a seu tempo virão.
    Bjns.
    Tia

    ResponderExcluir
  21. Milla,

    Que lindoooooooooooooooooooooooooooooooo! Esse texto está digno de ter sido cantado por Renato Russo. Bem Eduardo e Mônica... AMEI!

    Beijo imenso, menina linda que adoro.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  22. Oi Milla,

    Que lindooo!! Ahh "opostos"... como se atraem e se encaixam perfeitamente bem!! Adorei!!

    Beijuss no coração

    ResponderExcluir
  23. Amigaa.. vim te avisar que tem um selinho pra vc em meu blog!
    Fico feliz quando recebo esses mimos e espero q te agrade tbm!!
    bjãooo; e bom restinho de semana rss

    ResponderExcluir
  24. De tudo ficaram três coisas...
    A certeza de que estamos começando...
    A certeza de que é preciso continuar...
    A certeza de que podemos ser interrompidos
    antes de terminar...
    Façamos da interrupção um caminho novo...
    Da queda, um passo de dança...
    Do medo, uma escada...
    Do sonho, uma ponte...
    Da procura, um encontro!

    Fernando Sabino

    Hoje passei pra deixar um poema para refletir e desejar uma semana linda com muito amor e carinho.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  25. a vida é efectivamente uma surpresa. é preciso saber deixar-se levar, saber aproveitar os caminhos que esta põe à nossa disposição.

    ResponderExcluir
  26. Oi, achei seu blog navegando entre outros e fiquei encantada. Sua forma de escrever me tocou demais, tudo muito lindo meus parabéns. Se me permite estou te add na minha lista de blogs, caso tenho problema avise-me que retiro tá?
    Desejo felicidades eternas ao casal.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  27. eu jurava que meu comentario tinha ficado,sniff.
    mas olha eu aqui de novo.
    Lindo texto.É um texto que nos dar prazer de lez.

    ResponderExcluir
  28. Adorei,
    Passei para fazer essa deliciosa leitura,e desejar lhe
    um ótimo final de semana,
    Com Boas Energias !
    bjs
    Mari

    ResponderExcluir
  29. E eu fico muito feliz pela felicidade deles, mas principalmente pela felicidade dela!
    Vão se casar? Que lindo, quer amor mais profundo? Hehe Beeijo!

    ResponderExcluir
  30. Ninguém pode com o acaso nesse caso programado da vida. Ninguém é um vaso nesse vazio incontestável de tempo, pois cada passo raso nos leva para uma folha de papel em branco pronta para se escrita por outras mãos, que não essas nossas a que estamos tão acostumados. O acaso é um vaso vazio onde as partículas opostas se encontram.

    Beijos, Milla. Muito bom teu texto. Adorei.

    ResponderExcluir
  31. Escolhi você pra ganhar o selo que eu fiz por Sentimento Padrão, espero que aceite!

    ResponderExcluir
  32. hoje, de fugida,

    apenas deixo um beijinho.

    ResponderExcluir
  33. Arrepiante!

    Cheio de vida!
    Lindo!
    Trabalhou bem com todas as vicissitudes que existem por aí.

    Gostei horrores!

    Beijo carinhoso.

    PS.: Ah, sim.
    Aquela inveja da perfeição que sempre nos acomete me dominou um pouco também. =x
    auishash

    Kaio Rafael.

    http://surrealcadente.blogspot.com

    ResponderExcluir
  34. Um sonho é fabricado numa linha de produção da mais alta tecnologia e para esse produto não tem preço, ele vem equipado com amor, felicidade, paz...
    Sempre torcendo por você.
    Beijos e abraços.

    ResponderExcluir
  35. Um dos posts mais bonito q já li...
    Senti vontade d viver um amor assim, Milla!
    É por isso q acredito q por mais diferentes q sejam, se há amor, podem ficar juntos sim! =)

    Bjos!

    Obs: saudade d passar aki!

    =**

    ResponderExcluir
  36. Olá, Lindo texto...onde tudo se encaixa...
    Adoro visitar seu blog...sempre me surpeendo...
    Ah! meu ultimo post é "REAL " sim...
    Vou ser mamãe!
    Bjs...até mais...

    ResponderExcluir
  37. Opostos que se atrairam.
    Depois de ler isso senti vontade de mudar por alguém e de que esse alguém mudasse por mim.
    Senti vontade de ser amada, muito amada e sem cessar.

    Delicioso ler isso, linda!
    beijos enormes

    ResponderExcluir
  38. ' Oi Milla...
    Ain q lindxoo ameii^^
    Vê se naum esqueci de passar no meu blog, eu sinto falta viu^^
    bjoo's no ♥

    =]*

    ResponderExcluir

Deixe aqui um pedacinho do seu sonho...
Obrigada!