quarta-feira, 1 de outubro de 2014

"A quem interessar possa..."


Quando ideias, sentimentos ou sensações ficam martelando na mente e no coração a ponto de criar esse desassossego aqui dentro, é a hora de desapegar.
Nada de estratégias, joguinhos ou confusões sentimentais. Pode até ser um pouquinho de carência ou até mesmo a ansiedade de sempre, mas qualquer coisa que possa tirar um pouco a minha paz, deve ser cuidadosamente recolhida do cotidiano e posta de lado.
Não tenho mais paciência para as minhas teimosias.
Não adianta. Chega um momento em que é preciso largar as cismas.
Deu, deu. Não deu, paciência. Cultivar expectativas cansam muito...
A vibe é canalizar a energia para realizar os sonhos.  E também não se importar com quem não se importa muito. Pra que, né?! Grandes mudanças estão por vir, foco nelas. A vida é tão curtinha para tanta preocupação... Há tantos planos, "há tantas pessoas especiais..."
Eu viajo, eu me empolgo com coisas e pessoas, vou láááá nas nuvens e, de vez em quando, como uma epifania, recebo um golpe de lucidez e tudo se esclarece. Que bom.
Pés nos chão.
Parabéns pra mim.

Desencanando em 3, 2, 1...

Milla Borges

6 comentários:

  1. Momento OLX , hein��!

    -Sua generosidade em compartilhar emoções e reflexões tão explícitas, sem pudores de vaidades frívolas, e, de alguém que tem disposição em resolver a vida a cada momento, sorrido ou sofrido, a cada minuto densamente preenchido de lirismo ou hiato de dúvida, é que causa em mim o furor e frescor da epifania...

    Márcio Gonzaga.

    ResponderExcluir
  2. O importante é conhecer a si próprio!
    E cada um extravasa de um jeito, ainda bem que o seu é compartilhando seus escritos com a gente!
    Abraços, Mika
    Pensamentos Viajantes

    ResponderExcluir
  3. Fico feliz que você tenha voltado a escrever. Amiga pensadora!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu nunca parei, amigo! Só não publicava mais! ;)

      Excluir

Deixe aqui um pedacinho do seu sonho...
Obrigada!